Coexiste Logo

Como aproveitar as oportunidades de verdade?

Redação Coexiste

Redação Coexiste

As respostas para todas as questões de caráter existencial.
Oportunidades

Você acha que está tudo bem com sua vida? Você olha para todas as cenas e tem certeza que o que chegou é o que está compatível com todas as premissas envolvidas, com tudo o que todos pensam e manifestam, e aquela era a única resultante possível, e tudo o que chega é uma grata oportunidade de aprendizado? 

Ou seu dia é recheado de discordâncias? Você acha muita coisa errada, injusta, e que se tivesse sido feita dessa ou daquela outra forma teria sido bem melhor? E que tudo o que você precisa é de uma oportunidade para conseguir fazer tudo ficar melhor? Ou pelo menos provar que você tem razão? 

Pois é, se você se encaixa mais na primeira situação, saiba, você já vive em sabedoria, e com certeza, não sente mais nenhum conflito, com nada. Mas se a segunda opção representa mais o seu dia a dia, a gente pode, agora, tentar entender alguns preceitos para, poder, no mínimo, considerar outras premissas para sair da arrogante prisão a um jeito de pensar

Arrogante prisão a um jeito de pensar? Pois é. Toda vez que a gente olha para algo na certeza de que a nossa visão julgadora sobre aquilo é a que vale, estamos sendo arrogantes. Afinal, a gente acredita que as situações são como a gente pensa, sem considerar mesmo os fatos. E uma dica importante: a Verdade é sempre feliz. Se você não está feliz é porque tem muito mais coisas para compreender aí. 

E não estamos falando de uma postura omissa diante das situações, mas sim, de buscar uma real visão dos fatos, considerando todas as premissas envolvidas, para assim, entender em que nível se pode atuar para se encontrar uma solução efetiva sobre todas as coisas. 

Agora voltando à nossa reflexão sobre oportunidade. 

Todo mundo vive em busca de melhores oportunidades. Oportunidades de trabalho, de carreira, de realizar algo, de conhecer pessoas legais, de aproveitar o tempo, o dinheiro, de fazer algo que goste, considerando que oportunidade é uma condição favorável para que algo aconteça. 

E se tudo o que a gente vive já é uma oportunidade de vivenciar aquilo que a gente escolheu? Somando tudo o que você pensa sobre você, e a forma como você vê o mundo a sua volta, quando olha para uma cena, tudo o que chega são oportunidades de confirmar aquilo que você já estás sentindo previamente, como injustiça, raiva, medo, preocupação. 

“Será que existem situações inoportunas ou tudo é apenas falta de consciência de como estamos usando cada cena para alcançar aquilo que queremos?”, questionaram Kaw Yin e Yan Yin, fundadores da Coexiste, no episódio “Oportunidades Para Que? O Que É Oportunidade?” do programa A Verdade Está No Ar.

Se a gente não considera que o tempo todo estamos usando as cenas como oportunidades para confirmar o que pensamos, também estamos desconsiderando a oportunidade de usá-las para a saída disso, e o fim de todo e qualquer conflito. 

Como explicaram Kaw Yin e Yan Yin durante o programa, existe uma lei que garante o perfeito feedback de tudo o que se pensa e acredita e é manifestado em todas as cenas, e, assim, nos garante a oportunidade de olhar para tudo em busca de compreensão, e consequentemente, aprendizado. 

Se buscarmos olhar para todas as situações, circunstâncias e relações com o intuito de ver a verdade sobre aquilo fora de um lugar particular e solitário em nossa mente, que sustenta o passado, e olhar conjuntamente a partir de um lugar corrigido da mente, por meio de inspiração, poderá receber essas dádivas entregues em todas as cenas, que nos lembram da nossa real condição de ser. 

A partir disso, estaremos utilizando todas as cenas como oportunidades de aprendizado, e, no lugar da discordância, encontrar a segurança e a tranquilidade da confiança. 

“Se levarmos a sério aquela antiga sabedoria que diz que temos que crer para ver, podemos dar uma chance para nós nós mesmos e agarrar todas as oportunidades de todas as cenas abundantemente preenchidas de dádivas que, se vistas e aproveitadas, podem nos trazer de forma rápida e confortável o reconhecimento de nossas reais potencialidades e de nossa real, perfeita e amorosa origem que podemos chamar de Deus, que, por ser, de fato, perfeito, não poderia ter nos criado com menos perfeição do que Ele mesmo”, disseram.

No programa rolou uma explicação mais aprofundada sobre o tema. Você pode assistir na íntegra: 

Cookies

Utilizamos cookies para personalizar o seu conteúdo e melhorar sua experiência com a Coexiste. Utilizamos cookies também para analisar a navegação dos usuários e poder ajustar a publicidade de acordo com suas preferências.

 

Saiba mais em Termos de Uso e Política de Cookies